Versão em Português English version Versión en español

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Imagem retirada de https://www.terra.com.br/noticias/dino/mulher-na-logistica-como-essa-participacao-tem-desenvolvido-o-setor,05a3b5d380208db9944ed163e24bac94qxtrue3y.htmlMulher na logística: como essa participação tem desenvolvido o setor

05/07/2019

De 4 a 7 de junho em Munique, na Alemanha, foi realizada a Transport Logistic 2019, maior feira de logística do mundo, reunindo mais de 2 mil expositores de 63 países, 10% a mais que em 2017. Reunindo os melhores profissionais do ramo, a exposição teve como objetivo fazer um panorama da logística no mundo e entre os temas abordados estava os avanços da participação da mulher na logística.

De acordo com uma análise realizada pela Bundesvereinigung Logistik (BVL) com cooperação da Transport Logistic, a partir de uma pesquisa com sócios e entrevistas individuais, o ramo ainda possui um domínio masculino. Porém, esse é um cenário que tende a mudar, pois o setor tem a capacidade de proporcionar uma variedade de oportunidades de carreira para a mulher na logística, já que se trata de uma área em constante crescimento.

Publicidade
powered by Rubicon Project

Ainda de acordo com a pesquisa, hoje em dia, a mulher na logística está predominantemente em cargos de escritório, como no controle, na compra ou no departamento de recursos humanos. As características e habilidades "femininas", como flexibilidade, orientação para o serviço, implementação consistente de metas, trabalho em equipe, eficiência, tomada de decisão e gerenciamento de conflitos são ideais para trabalhar estrategicamente e em organizações líderes.

"O mercado começou a dar mais espaço às mulheres a partir do momento em que a logística deixou de ser apenas um setor operacional e braçal. A partir de então sentiu-se a necessidade de fazer análises, criar táticas e se atentar aos detalhes. Ninguém melhor do que as mulheres para conseguir juntar tudo isso em uma só função", afirma a Consultora Logística da maior integradora logística latino-americana Asia Shipping (AS) , Mylena Tamarozzi. A colaboradora afirma ainda sentir orgulho de fazer parte desta evolução da mulher na logística e se sente motivada a buscar as melhores soluções para seus clientes a cada dia. "Trabalhar em Logística Internacional é algo que me fascina. Isso me impulsiona a sempre renovar o conhecimento e aperfeiçoar cada vez mais para assim abrir novas oportunidades", finaliza.

A mudança da cultura de trabalho para ambos os sexos permitiria que homens e mulheres, pudessem ajustar suas condições de trabalho de acordo com sua fase da vida. Essa transformação já é percebida por empresas de logística que têm buscado se ajustar a uma mudança no mundo do trabalho e em seus modelos de negócios. A visibilidade das mulheres bem-sucedidas na logística é outro fator que estimularia essa participação, sendo estes outros pontos destacados na pesquisa.

Para a Consultora Logística Aéreo Doméstico da AS, Suemi Sumikawa, a essência feminina no mundo da logística vem sendo assunto positivo no processo evolutivo do empoderamento feminino. "O senso de urgência, o olhar preventivo, a sutileza e a delicadeza da mulher na logística engrandecem o plano estratégico da organização e na contramão do preconceito desempenham papéis com muita maestria e competência", afirma.

Em 2019, a Transport Logistic reuniu 2.374 expositores de 63 países, cerca de 64.000 visitantes de 125 países (um aumento de 5% em relação a 2017) e aproximadamente 30.000 visitantes do exterior, segundo o site oficial do evento. A exposição cobriu dez salões e uma área externa, totalizando 125.000 metros quadrados de espaço para exposições. A edição de 2021 ocorrerá entre os dias 4 e 7 de maio.

Fonte: Terra

Home | Institucional | Serviços | Clientes | Notícias | Localização | Contato

Todos os direitos reservados - © 2010

RGB Comunicação - Agência de Internet e Produtora de Vídeo